top of page

3o Encontro da Plataforma do Artesão

Quero deixar aqui para todos as palavras que transmiti ontem a quem esteve presente no nosso encontro, porque foram escritas para todos os nossos Associados:


O meu objetivo pessoal quando criei a Plataforma era ter um espaço virtual onde o pequeno/medio Artesão tivesse apoio na divulgação on-line do seu trabalho, mas com o tempo esse objetivo foi-se expandindo para um apoio mais alargado, enquanto fui vendo esta comunidade crescer.

Dois anos decorridos da abertura da nossa (porque já deixei há muito de a sentir só minha) Plataforma, muitas lives partilhadas, e um constante chorrilho de mensagens diárias no grupo de WhatsApp, quero destacar o que de melhor vejo nesta nossa comunidade.


1. O bom Artesão não é egoista.


Tinha um receio no início de que houvesse dificuldade na partilha de conhecimento e saber na comunidade, porque muitos descreviam a comunidade artesã como fechada e pouco generosa.


Nunca, mas nunca senti isso com nenhum dos nossos Artesãos. E prometo continuar a procurar associados que mantenham essa linha de pensamento.


2. O bom artesão é resiliente.


As histórias e percursos que vocês mostram todos os dias é de gente de garra, força, e de perseverança.


Roma e Pavia não se fizeram num dia.


Na nossa casa encontramos exemplos do que é ser fiel à sua arte, lutar pelo que se acredita, e resistência às difículdades que esta profissão traz.


3. O bom artesão é exigente consigo mesmo, e incansável na busca de soluções.


O desafio constante, a aprendizagem e formação e uma eterna procura de fazer bem e melhor, fazem parte do feitio do melhor artesão.


Sem isso, não se chega a lugar algum.


4. O bom artesão é bem disposto.


Temos sorte de termos pouca gente séria na nossa comunidade 🤣.


Na verdade a boa disposição da maioria é contagiante e faz deste grupo um lugar sério mas leve onde estar.


Um sorriso no rosto e alegria na vida são essenciais para mostrarmos o quando gostamos do que fazemos. Aqui não falta nenhum dos dois.


5. O bom artesão é boa gente!


Não é raro o dia que abrimos o WhatsApp e vemos mensagens de carinho e preocupação uns pelos outros.


Reunimos na Plataforma um grupo de Artesãos, mas especialmente um grupo de boa gente, generosa, interessada, e pronta a dar de si para ajudar o outro, seja com conhecimento, uma palavra amiga ou uma piada.


Vocês, e todos os outros que não puderam vir hoje, são a verdadeira mais valia desta comunidade.


E é para mim um privilégio privar convosco todos os dias.


E por muito que o Bruno me atire à cara todos os dias que me paga para aqui estar, não tendo provavelmente noção que os custos da Plataforma não dão ainda sequer para eu pagar as horas que gasto todos os dias (contrariando tudo o que vos tento ensinar), nao me arrependo nunca de ter criado este projeto, no qual acredito, e que só quero continuar a ver crescer.


E vou aproveitar o momento para vos falar numa novidade que ando a cozinhar, nascida de uma ideia da Susi.


Eu sei o quando tempo que muitos de vocês perdem atrás de possibilidades de expor ou vender além das feiras e do on-line , ou que não o fazem por falta de tempo.


É minha intenção começar a contactar lojas colaborativas e de artesanato (e não só), no sentido de vos descobrir condições para poderem divulgar o vosso trabalho noutros sítios além das redes sociais.


Tive já esta semana uma conversa com a Domus no Porto, onde fizemos o primeiro encontro da Plataforma, e cujas proprietárias são pessoas fantásticas e verdadeiras amantes do Artesanato, e estou a tentar entrar em contacto com mais lojas.


Falaremos nas próximas lives desse assunto, e de outras ideias que tenho para o futuro da Plataforma, porque tal como vocês, a minha cabeça não para.


Agora vamos lá comer, porque excedi as 5 frases e daqui a nada vão me dar porrada!


64 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page